O QUE É A EXTENSÃO UNIVERSITÁRIA, PARA QUE SERVE E CASO DESEJE CURSA-LA NO EXTERIOR ONDE DEVE-SE FAZÊ-LO?

A extensão universitária ou extensão acadêmica é uma ação de uma universidade junto à comunidade a seu redor, disponibilizando, ao público externo à universidade, o conhecimento adquirido com o ensino e a pesquisa desenvolvidos dentro da universidade. Essa ação produz um novo conhecimento a ser trabalhado e articulado.

É um conceito adotado pelas universidades (especialmente no Brasil) que se refere ao contato imediato da comunidade interna de uma determinada instituição de ensino superior com a sua comunidade externa, em geral a sociedade à qual ela está subordinada. A ideia de extensão está associada à crença de que o conhecimento gerado pelas instituições de pesquisa deve necessariamente possuir intenções de transformar a realidade social, intervindo em suas deficiências e não se limitando apenas à formação dos alunos regulares daquela instituição.

Geralmente eles contam com uma carga horária que poderá variar até 150 horas. São muito utilizadas nos chamados cursos de Verão. Também são amplamente ofertadas em jornadas acadêmicas.

No Brasil, a extensão é um dos pilares do ensino superior, conjuntamente com o ensino e a pesquisa, conforme dispõe o artigo 207, caput, da Constituição Federal. Deve ser valorizada, portanto, por ser uma forma de interação entre a população e a universidade.

No exterior ela também é utilizada. Eu mesmo tive a experiência de cursar uma extensão universitária por uma das melhores universidades do mundo, a Universidade de Harvard.

Recomendo que curse no exterior pois assim seu curriculum estará mais enriquecido. Cursos promovidos por universidades localizadas em países de primeiro mundo sempre será uma boa pedida.

O CERTIFICADO EMITIDO

Na conclusão desse curso é emitido um certificado de conclusão de curso. O mesmo é aceito em prova de títulos, para o exercicio profissional, acadêmico e para preenchimento curricular, além de ser aceito por faculdades e universidades em cursos superiores como atividade complementar.

É importante que se saiba que uma extensão universitária cursada no exterior sempre irá ser melhor para seu portador do ue possuir uma extensão universitária nacional. Um dos principais motivos é pelo fato do Brasil possuir um dos piores indices educacionais do mundo.

Você já deve estar curioso. Então vamos lá. É importante que você saiba que: em conformidade com o Conselho Nacional de Educação, conforme parecer emitido pelo mesmo órgão, os cursos de extensão universitária cursados no exterior não estão sujeitos a revalidação. A revalidação de Diplomas estrangeiros somente se aplica para cursos Superiores, de Graduação, Mestrado e Doutorado cursados no Exterior.

ONDE CURSAR SUA EXTENSÃO UNIVERSITÁRIA: NOS ESTADOS UNIDOS É CLARO!!!

Agora que você esta seguro com relação aos seus direitos no Brasil, já esta pensando no peso que um certificado americano poderá lhe oferecer não é mesmo?

O primeiro passo é escolher a Universidade em que você irá estudar nos Estados Unidos. Mesmo os Estados Unidos estar entre os primeiros países colocados no Racking com a melhor educação do mundo, é necessário cautela no momento de escolher uma universidade para cursar esse tipo programa. Apesar das universidades americanas serem organismo autônomos (elas funcionam por si mesmas) é importante você levar em consideração alguns fatores a seguir antes de se decidir:

1. Acreditação da Universidade: A Acreditação é uma ação opcional de gestão educacional da Instituição Universitária nos EUA, mas não praticada na gestão educacional da maioria dos outros países, inclusive os de Língua Portuguesa. Acreditação é a validação do programa de instrução de uma universidade por uma agência autorizada a prestar uma avaliação acadêmica do processo de concessão de grau da instituição. Não é geralmente praticada em países fora dos Estados Unidos. Os ministérios da educação nos diferentes países regulam suas próprias faculdades e universidades.

Nos Estados Unidos, existem associações de acreditação regionais, além de organizações privadas selecionadas, que credenciam áreas específicas (por exemplo, negócios e enfermagem). O que não é conhecido para a maioria dos estudantes é que o governo dos Estados Unidos não controla ou regula faculdades, universidades ou associações de acreditação, exceto em relação com o reembolso de valores aos estudantes que se qualificam para esses fundos.

As Universidades Americanas são órgãos autônomos que são submetidos as suas próprias normas estatutárias e de seu Estado Americano de Origem. Mesmo assim as universidades que possuem certo prestigio nos estados Unidos da América gozam da acreditação de uma associação acreditadora universitária. A acreditação universitária nos Estados Unidos é algo opicional. Não é porque uma universidade não possui uma agencia acreditadora que ela esta ilegal. Existem várias universidades nos Estados Unidos que atuam a décadas sem acreditadoras e nem por isso são ilegais.

Porém recomenda-se que você procure universidades que possuam acreditações de agencias acreditadoras americanas.

2. Corpo Docente: Você deve ter acesso para verificar a qualidade do corpo docente disponibilizado pela universidade em questão. Procure saber se a mesma possui a maior parte do seu corpo docente composta por doutores e até mesmo pós doutores.

3. Modalidade de Ensino: Procure universidades que possam oferecer as principais modalidades de ensino: Presencial ou á distancia. Você deve pensar nisso, pois caso queira quaisquer uma dessas modalidades, as mesmas possam estar disponíveis para você. Caso queira estudar presencialmente veja se facilmente esta instituição de sua pretensão oferta espaço físico adequado para seminários e defesa de trabalhos ciêntificos que naturalmente serão exigidos durante o curso. Em caso de desejar estudar a distancia, se certifique de que essa instituição tenha e oferte tecnologias adequadas e sistemas para o ensino EAD de maneira satisfatória.

4. Metodologia de Ensino: Certifique-se que a instituição oferece metodologia de ensino adequada que seja apoiada e aprovada por pesquisadores das áreas das ciências educacionais.

5. Integridade Institucional: Verifique se a instituição de ensino pretendida por você, se possui ou não “sujeira debaixo do tapete”, se possui ou não reclamações na internet, se a mesma responde a alguma ação judicial ou até mesmo criminal, se a mesma possui nome sujo, se a mesma possui alunos falando bem ou mau dela. Verifique também sua avaliação na internet. Todas essas são maneiras de evitar problemas futuros.

6. Departamento de Educação: Não há Ministério da Educação nos EUA, no formato usual de muitos outros países. Há o Departamento de Educação que prioriza o controle da Educação como um todo (verbas, aspectos constitucionais, bolsas de estudos, entre outros). As Secretarias de Estado têm a plena autonomia legal para autorizar e legislar o funcionamento das instituições de ensino superior em seus próprios Estados. As Faculdades e Universidades Americanas gozam, nos EUA, verdadeiramente, da plena autonomia universitária para seu funcionamento desde que sejam obedecidas as leis pétreas constitucionais. As universidades americanas são registradas estadualmente. Elas devem estar registradas junto ao departamento de educação do seu estado. Verifique se a mesma possui esse registro e de preferências aquelas que são registradas nesses órgãos.

7. Que forneça a documentação Legalizada para seu país: Dê preferências as universidades que além de lhe entregarem o diploma no termino do curso, que ela lhe auxilie para legalizar sua documentação de conclusão em seu país. Isso pode ser feito por meio da legalização consultar ou até mesmo por meio da notaria e apostilamento conforme a Convenção de Haia (em caso de país signatário dessa mesma convenção.

Obs. Não confunda legalização com revalidação. Legalização é o serviço cartorario com o fim de confirmar a autenticidade documental daquele documento no país do concludente do curso desejado.

8. Universidade que seja aberta para brasileiros: A maior parte das universidades americanas exigem que seus alunos falem o inglês fluente. Isso pode ser um problema para muitos. Dê preferência para universidades que recebam bem os brasileiros e que também possam se comunicar bem com você. Que seu corpo docente seja composto por brasileiros e fluentes em português.

SUGESTÃO DE UNIVERSIDADE PARA CURSAR SUA EXTENSÃO UNIVERSITÁRIA NOS ESTADOS UNIDOS DA AMÉRICA.

Agora iremos expor uma opinião acerca de uma universidade que possui as características acima citadas como padrão. A recomendação é a EBWU – Emil Brunner World University.

1. Acreditação da Universidade: A EBWU possui acreditação pelo menos de 5 acreditadoras de respeito nos Estados Unidos da América: International Association of Universities, American University Consortium, AAHEA, IOED, California University.

2. Corpo Docente: Mais de 80% do corpo docente da EBWU são doutores e até mesmo pós doutores brasileiros e fluentes em português.

3. Modalidade de Ensino: A EBWU oferta todos os seus programas na modalidade EAD. Isso quer dizer que você não precisará viajar para cursar seu PhD. Para aqueles que desejam viajar para defender sua tesa na universidade, a EBWU possui um espaço que serve perfeitamente para: defesas, workshops, seminários, aulas.

4. Metodologia de Ensino: A EBWU possui duas metodologias e adota as mesmas para ambas as modalidades. São as seguintes metodologias: PBL e Macipies.

5. Integridade Institucional: A EBWU possui uma das melhores avaliações da internet. Possui vários depoimentos favoráveis de alunos. Possui mais de 100 mil seguidores na internet e é a única universidade nos estados unidos que possui um convenio com a secretaria de Justiça de Santa Catarina. A mesma oferta a duração dos seus programas de acordo conforme estabelecido pela Comissão Independente para a Educação na regra 6E 2004 (4) FAC. A autorização dos seus cursos estão de acordo com a Section 1005.06 (1)(f), FS e de acordo com a Rule 6E-5.001, Fla, Admin. Code.

6. Departamento de Educação: A EBWU-Emil Brunner World University é uma universidade registrada na Flórida sob o código de Autenticação Número 141203101417-800277052878#1 desde 2014. Está devidamente registrada no Departamento de Educação da Flórida e está devidamente autorizada pela Comissão para Educação Independente para sua atuação.

7. Documentação Legalizada para seu país: Caso seja desejo do aluno o mesmo poderá notariar e apostilar seu documento conforme reza a Convenção de Haia. Quando pedido pelo concludente a EBWU se compromete a encaminhar os documentos de conclusão de quaisquer um de seus programas para ser notariado e apostilado conforme a convenção supracitada, sem que aluno precise ir a Miami-FL.

8. Universidade que seja aberta para brasileiros: A EBWU foi aberta como a Universidade Americana para Brasileiros em todo O Mundo que Não Falam Inglês. A diretoria da mesma é composta por brasileiros, além da maior parte do seu corpo docente. Nela você não precisará saber falar inglês para estudar.

 

Gostou do Artigo?

Quer saber mais acerca da EBWU?

Acesse www.ebwus.com/BR